Visto de estudante para a Espanha: como solicitar?

visto de estudante para Espanha: escadaria com as cores da bandeira espanhola em rua na Espanha

Se você pensa em estudar fora e tem a Europa como foco, deve levar em consideração solicitar um visto de estudante para a Espanha, pois assim como outros países europeus oferecem oportunidades para estrangeiros de desfrutarem de sua educação de qualidade, como Portugal, por exemplo. A Espanha é a principal opção quando o assunto é estudar o idioma com a vantagem de posteriormente ter a opção de obter um visto de residência permanente.

Neste artigo te mostraremos como se preparar adequadamente e o que esperar do processo de solicitação do visto de estudante para a Espanha tipo D.

visto de estudante para Espanha: escadaria com as cores da bandeira espanhola em rua na Espanha
Foto por Sam Williams

O que é o visto de estudante para a Espanha tipo D?

Para estudar na Espanha é necessário a solicitação do visto tipo D, que se trata do visto de estudos de longa duração no país. Concedido para quem pretende estudar um curso superior ou de idiomas com duração maior que seis meses. O visto de estudante deve ser solicitado no consulado espanhol, ou diretamente na Espanha.

O visto de estudante para a Espanha te concede o benefício de poder estudar e trabalhar em meio período; e após o término do seu primeiro curso, você poderá renovar seu visto da Espanha (sem necessidade de retornar ao seu país). Depois de 3 anos, você pode mudar o seu visto de estudante para o visto de residência.

Com o visto de estudante para a Espanha tipo D, você recebe um número NIE (Número de Identificación de Extranjero) no prazo máximo de um mês, após a sua entrada efetiva na Espanha e um cartão de identificação de estudante (TIE). Esse cartão será sua Identidade na União Europeia, durante todo o período de seus estudos e será através dele que você conseguirá viajar, comprar bilhetes de metrô mensais ou obter um pacote da Amazon, basicamente tudo no seu dia a dia será com o cartão.

Para solicita-lo é necessário escolher um curso em período integral em uma universidade ou em uma escola de idiomas credenciada pelo Instituto Cervantes. Sendo o curso de idiomas uma ótima porta de entrada para quem pretende ficar no país por algum tempo, já que os cursos de idiomas oferecem a oportunidade de estudar até 4 anos e mudar para um curso de nível superior posteriormente. Conseguir um visto de estudante para a Espanha através de um curso de idioma é mais vantajoso se olharmos para o lado burocrático e financeiro que são mais acessíveis.

Como tirar seu visto?

Para conseguir o visto de estudante para a Espanha é necessário cumprir uma série de requisitos, primeiramente escolher o curso, após isso reunir toda a documentação necessária e obrigatória e somente depois realizar a solicitação através do consulado espanhol.

Como primeiro requisito o estudante terá que comprovar a aprovação da Instituição de Ensino. Além disso, será necessário juntar atestado médico e ter um seguro que cubra eventuais necessidades médicas na Espanha. Outro requisito é a comprovação de meios para substância que equivale a 100% do IPREM (índice espanhol), o que representa em 2022 cerca de 579,02 € por mês, pelo período do curso.

Quais os documentos necessários?

A documentação necessária para a solicitação do visto de estudante para a Espanha é composta por:

  1. Formulário de solicitação em anexo, devidamente preenchido (original e uma fotocópia em tamanho A4) com uma fotografia atualizada, tamanho 3×4, a cores, plano frontal, em fundo branco; Solicitação de visto nacional.
  2. Passaporte válido durante a estadia prevista. Devidamente acompanhado de uma fotocópia em tamanho A4 da página com os dados biográficos e de, pelo menos, duas páginas em branco.
  3. Registro Geral (RG) ou Registro Nacional de Estrangeiros (RNE) (original e uma fotocópia em tamanho A4) com uma validade mínima de 180 dias posteriores à finalização do visto solicitado.
  4. Documentação de comprovação do objetivo da estadia (original e uma fotocópia em tamanho A4). Em caso de realização ou prolongamento dos estudos, é necessário apresentar a admissão ou matrícula num centro de ensino autorizado em Espanha, para a realização de um programa a tempo inteiro (com um mínimo de 15 horas letivas presenciais por semana), que conduza à obtenção de um título ou certificado de estudos. É necessário que a admissão ou matrícula indique claramente: datas exatas de duração do curso; valor do custo do curso; e calendário das aulas e horários letivos.
  5. Título acadêmico ou certificado das matérias cursadas no Brasil com a Apostila da Convenção da Haia (original e uma fotocópia em tamanho A4).
  6. Documentos comprovativos da disponibilidade de recursos econômicos próprios (originais e uma fotocópia em tamanho A4): declaração do IRPF, extratos de contas bancárias dos três últimos meses (poupança, conta corrente, etc.), holerites dos últimos três meses, etc. Se o solicitante é dependente, deverá apresentar a documentação corresponde ao familiar responsável e uma declaração com a assinatura reconhecida pelo cartório notarial.
  7. Seguro público ou privado de saúde associado a uma entidade seguradora autorizada para atuar em Espanha (original e uma fotocópia em tamanho A4).
  8. Atestado médico, conforme modelo em anexo, emitido por um médico habilitado (com o CRM legível) e com a Apostila da Convenção da Haia (original e uma fotocópia em tamanho A4).
  9. Certidão de antecedentes criminais (em caso de o solicitante ser maior de 18 anos), expedida pela Polícia Federal e com a Apostila da Convenção da Haia (original e uma fotocópia de tamanho A4). No caso das certidões expedidas na Internet, é necessário que conste, nas mesmas, o número de passaporte, o número do RG ou do CPF (no caso dos cidadãos brasileiros), e o número do RNE (no caso dos cidadãos estrangeiros).
  10. Em caso de se tratar de um solicitante menor de idade, se viajar sozinho ou acompanhado pelos respectivos pais, deverá apresentar uma autorização para viajar com a assinatura reconhecida em cartório notarial (original e uma fotocópia em tamanho A4).
  11. Valor das taxas de visto, no caso de não estar isento. O valor da taxa é de R$232,00.

Vale ressaltar que:

  • O certificado de antecedentes criminais e o certificado médico têm ser legalizados com o Certificado de Haya (Apostilla de Haya).
  • Cada documento tem de estar acompanhado de uma fotocópia a preto e branco.
  • As fotocópias dos certificados têm de estar realizadas depois da sua legalização.
  • Qualquer Consulado pode convidá-lo a uma entrevista para pedir documentação adicional.
  • O visto concedido é de 90 dias. Durante estes dias você terá de apresentar a mesma documentação no escritório dedicado ao estrangeiros em Espanha para obter o Número de Identidade Estrangeira (NIE).
visto de estudante para espanha: dois livros abertos sobre uma mesa, biblioteca de fundo
Foto por Aaron Burden

Tendo toda documentação em mãos e realizando a solicitação de seu visto de estudante para a Espanha no consulado o estudante poderá ter acesso legal para seus estudos no país.

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *